Notícias

Ver todas

Jornal UFG

Ver Todas

Eventos

  • rosa kliass 24-5-22 (1)

    Ciclo de debates “Trabalhando com Rosa Kliass”

    24 Mai a 03 Ago

    Para assistir à transmissão do evento, clique aqui.

     

    rosa kliass 24-5-22 (1)

     

    rosa kliass 24-5-22 (2)

     

    Unesp e UFG realizam ciclo de debates "Trabalhando com Rosa Kliass"


    A Universidade Estadual Paulista (Unesp), Câmpus Bauru, e a Universidade Federal de Goiás (UFG), Câmpus Goiás, realizam um ciclo de debates com profissionais que trabalharam com Rosa Kliass em alguns projetos realizados no norte e nordeste do país (estados do Amapá, Bahia, Maranhão, Pará e Rondônia). O evento on-line acontecerá quinzenalmente de 24/5 a 3/8 de 2022, às terças-feiras, sempre às 17h, e será transmitido no canal do Youtube (https://www.youtube.com/c/faacunesp014) da Faculdade de Arquitetura, Artes, Comunicação e Design (Faac), onde todos poderão participar com questões.

    O evento conta com a parceria na organização do Instituto de Arquitetura e Urbanismo (IAU-USP), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Associação Brasileira de Arquitetos Paisagistas (Abap) e apoio da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Universidade Federal do Amapá (Unifap), Universidade Estadual do Maranhão (Uema), Escola Superior da Amazônia (Esamaz), Universidade Federal do Pará (UFPA) e Faculdade de Rondônia (Faro).

    "Trabalhando com Rosa Kliass" dialoga com a Exposição Virtual "Rosa Kliass: revelando paisagens brasileiras" (https://publica.ciar.ufg.br/projetos/rosa-kliass/) lançada no dia 7 de abril de 2022, onde estão expostos os projetos a serem debatidos.

    Em 2022, Rosa Kliass concorre ao prêmio Jellicoe (https://www.iflaworld.com/sgja), honraria anual concedida pela Federação Internacional de Arquitetos Paisagistas (Ifla) em homenagem às contribuições dos profissionais para esse campo de atuação.
     

     

     

     

     

  • integração Goiás

    Integração 2022 do Câmpus Goiás da UFG

    25 Mai a 10 Jun

    Comunidade acadêmica acolherá os/as discentes na volta ao semestre 2022/1 de forma presencial

    Com grande expectativa, o Câmpus Goiás irá receber, a partir do dia 25 de maio de 2022, os calouros(as) e veteranos(as) para o início do 1º semestre de 2022, de forma presencial. Esse sentimento se dá, principalmente, após mais de dois anos de pandemia de Covid-19, que impossibilitou as atividades acadêmicas continuarem presencialmente. E para receber seus discentes neste momento de grande importância e representação, a comunidade acadêmica do Câmpus planejou diversas atividades que, além de integrarem discentes calouros e veteranos, será também uma forma de acolher esses estudantes para a volta às aulas presenciais após todo esse tempo. A comunidade externa do Câmpus Goiás poderá participar também da programação em várias atividades propostas.

    Para além da programação geral do Câmpus Goiás, a Integração 2022 contará também com atividades integradas junto ao Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental de 2022 (FICA), Universidade Estadual de Goiás (UEG), Diretório Central dos Estudantes da UFG (DCE/UFG) e eventos da cidade de Goiás.

    Quer saber mais sobre toda a programação da Integração 2022?

    Acesse a programação (atualizada) oficial (CLICANDO AQUI). No arquivo da programação, há uma legenda indicativa do público destinado às atividades.

     Feed - Card Integração 2022-1.png

  • entre sertões

    Prazeres entre Ser-Tões

    31 Mai
    EVENTO: Prazeres entre Ser-Tões
    UNIDADE ACADÊMICA: Faculdade de Ciências Sociais
    DATA: 31-05-2022 - Terça-Feira
    HORÁRIO: 17H
    DESCRIÇÃO DO EVENTO:
     
    Olá!
     A edição de maio do Prazeres entre Ser-Tões acontecerá no dia 31/05, terça-feira, das 17 às 18h30, e será transmitida pelo canal YouTube do Ser-Tão, com mediação de Camilo Braz e Matheus França e direito à certificação.
    As convidadas desta edição são:

    Nayla França: Mestra em Ensino de História pelo programa ProfHistória na Universidade Federal de Goiás (2022), graduada em Licenciatura em História pela UFG (2016) e discente da Licenciatura em Ciências Sociais pela UFG. Compõe o Grupo de Estudos e Pesquisas em Gênero e Diferenças na Educação e é professora da rede básica, desenvolvendo pesquisas sobre educação, ensino de história e lesbianidades.

    Paula Almeida: Doutoranda e mestra em Antropologia Social pela Universidade Federal de Goiás - UFG (2020), bacharela em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás - PUC/GO (2013). Pesquisadora na área de antropologia urbana, com ênfase em nos estudos de gênero, sexualidade, e nos estudos sobre lesbianidades e memórias lésbicas.

     O Prazeres entre Ser-Tões é um projeto do Ser-Tão já bastante conhecido, que visa apresentar e dialogar com o público sobre pesquisas desenvolvidas pelas pessoas convidadas, entre elas; docentes, da UFG ou externas/os, e estudantes de graduação ou pós-graduação. A ideia é criar espaços onde possamos sentir prazer nos diálogos e nas nossas pesquisas.  

    Esperamos vocês!
    entre sertões
  •  Colóquio do IF - Arte Roberto Pena 1-6-22

    Colóquio do IF "O Brasil e a Bomba Atômica : O Brasil na ordem nuclear global 1945 – 2018"

    01 Jun

     Colóquio do IF - Arte Roberto Pena 1-6-22

     

    Colóquio do IF aborda a questão nuclear no Brasil
    Evento será realizado no dia 1 de junho de 2022, presencialmente, e com transmissão on-line

    O Instituto de Física (IF) da UFG realiza no dia 1 de junho de 2022 o colóquio "O Brasil e a Bomba Atômica - O Brasil na ordem nuclear global 1945 – 2018". A palestra abre a agenda de eventos do semestre letivo de 2022/1 e será ministrada pelo professor Carlo Patti, do curso de Relações Internacionais da Faculdade de Ciências Sociais (FCS) da Universidade. A programação inicia às 12h30, no Anfiteatro do IF, com transmissão pelo canal do Instituto no YouTube. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas até 30 de maio no link: www.even3.com.br/coloquiobomba. A participação vale certificado mediante comprovação de presença no evento.

    Autor do livro Brazil in the Global Nuclear Order, 1945-2018, Carlo Patti discutirá sobre as razões que levaram o Brasil a renunciar à possibilidade de desenvolver uma arma atômica e a aceitar as normas de não-proliferação de armamentos nucleares. A obra foi lançada pela editora da Johns Hopkins University Press, de Baltimore, nos Estados Unidos, em 2021.

    No colóquio, será também discutido como o Brasil, fortemente influenciado pelas políticas estadunidenses de não-proliferação, cooperou com muitos países e estabeleceu um programa nuclear secreto.

    O trabalho do professor baseia-se tanto em entrevistas com ex-presidentes, diplomatas e cientistas quanto em documentos oficiais, que até recentemente estavam sob sigilo. Os dados são de arquivos públicos e privados de oito diferentes países.

    Palestrante

    Doutor em História das Relações Internacionais pela Universidade de Florença (Itália), Carlos Patti é coordenador do Programa de Pós-Graduação em Ciência Política (PPGCP) da UFG e também atua no Programa de Pós-Graduação em História (PPGH) da universidade e no doutorado em História, Estudos Internacionais e Bens Culturais da Universidade de Cagliari, na Itália. Ele é pesquisador permanente do Nuclear Proliferation International History Project baseado no Woodrow Wilson Center de Washington (Estados Unidos).

    Fonte: IF UFG

Ver todos

Fique Atento

  • exposição ambar

    Exposição "Com os pés plantados nas nuvens"

    24 Mar a 03 Jun

    exposição ambar

    O Centro Cultural UFG lança no dia 24 de março às 18h30, a exposição "Com os pés plantados nas nuvens", do Âmbar - Grupo de pesquisa em Práticas Artísticas da Faculdade de Artes Visuais da UFG. As visitações vão de 25 de março a 03 de junho de 2022. A exposição é a primeira do grupo, realizada no Centro Cultural da UFG e tem como intuito - além de  mostrar a produção artística de seus integrantes - tornar-se um lugar de encontro entre  pesquisadores, estudantes e comunidade, oferecendo conhecimentos acerca da  produção artística contemporânea. O Grupo Âmbar é um Grupo de Pesquisa em Práticas Artísticas formado por professores da  Faculdade de Artes Visuais da Universidade Federal de Goiás com o objetivo de  desenvolver e aproximar ações de ensino, pesquisa e extensão. Neste sentido, busca dar visibilidade às produções de seus membros, tanto no âmbito acadêmico, quanto nos  vários espaços do circuito de arte.  

    A presente exposição é resultado de pesquisas que vêm se produzindo há pouco mais de um ano, e que teve uma primeira apresentação processual on-line em novembro de 2021. As obras apresentadas consideram o termo “âmbar” em seu sentido  ampliado, metafórico, temporal e único, simbólico e material, isto é, ligado à luz e à cor  do pôr-do-sol de Goiás, à resina extraída de árvores, com a qual se fazem pinturas,  gravuras, além de servir a receitas da medicina popular, como fazem os quilombolas, na  Chapada dos Veadeiros. 

    Assim, da variada possibilidade do uso da seiva e do âmbar enquanto cor, nasceram uma gama de possibilidades artísticas que foram pensadas e trabalhadas em  técnicas e materiais diversos a partir da prática pessoal de cada um dos membros do  grupo. Essa diversidade, representada por obras que vão do vídeo ao desenho, da  fotografia à performance, do texto à escultura passando pela instalação, é ancorada, porém, em um compromisso generoso entre o grupo, resultando em uma soma que fortalece cada um de seus membros. 

    Por fim, o título da exposição faz jus tanto aos tempos em que vivemos, porque estamos sempre prestes a cair, quanto ao ser nefelibata que é o artista, às vezes mais próximo do céu do que da terra. A vantagem é que o céu de Goiás é de uma beleza estonteante. Entre o pôr-do-sol e o anoitecer, na época em que as nuvens, gigantescas,  se deixam banhar pela cor do ocaso, deixamos que os sonhos nos atravessem e nos  guardem, como faz a resina do âmbar, que acolhe para sempre os segredos do tempo  no seu interior.

    Participantes: Adriana Mendonça, Eliane Chaud, Glayson Arcanjo, Maria Tereza  Gomes, Odinaldo Costa, Rubens Pileggi e Paulo Duarte-Feitoza. 

    Projeto Educativo: Valéria Fabiane. 

    Confira o folder da exposição

    Texto curatorial : Paulo Henrique Duarte-Feitoza  

    “Os trabalhos aqui apresentados, em toda sua heterogeneidade, procuram reavaliar, pensar e  criar a partir da luz, cor e materialidade âmbar, tão características do Brasil Central,  mergulhando, cada um à sua maneira, nas profundezas da criação.” 

    ambar

    ambar

    ambar

    Adriana Mendonça

     

    ambar
    Série Guardados de cor - Eliane Chaud
  • Minicurso 60+ 18-5-22

    Minicurso "60+: Desenhar para bem viver"

    18 Mai a 20 Jul

    Informações e inscrições: promocaosaude.dass@ufg.br

    Número de vagas: até 20

    Inscrição: gratuita

    Minicurso 60+ 18-5-22

     

    60+: Desenhar para bem viver

    Dass UFG em parceria com a FAV UFG oferece curso que tem como público-alvo aposentados, servidores da UFG 60+ e comunidade com mais de 60 anos

    O minicurso “60+: Desenhar para bem viver” propõe através do ato de desenhar, provocar novas maneiras de perceber o mundo e, desta forma, atuar nele. Serão 10 encontros, todas às quartas-feiras, no período vespertino, em cada um deles serão realizadas atividades práticas-orientadas, seguidas de reflexões sobre a experiência daquela prática realizada e o que elas provocaram.
    Espera-se que, ao compartilhar as experiências no ato de desenhar, representar o mundo e as emoções, que elas possam contribuir para abrir outras maneiras de ver, sentir e estar no mundo, além das das já sabidas e experienciadas.

     

    Fonte: Dass/Propessoas/UFG

Acompanhe a Acolhida 2022 para novos estudantes na UFG

A UFG

A Universidade Federal de Goiás foi fundada em 1960 com a fusão de cinco faculdades já existentes. Com 102 cursos de graduação, mais de 6 mil vagas disponíveis por ano na graduação e mais de 28 mil alunos, está presente nas cidades de Goiânia, Aparecida de Goiânia e Goiás. Além da graduação, a UFG oferece 78 cursos de pós-graduação entre mestrados, doutorados e mestrados profissionais.

Reitoria UFG
Localização
Regional Goiânia
Regional Goiás
Clique para carregar o mapa

Câmpus Samambaia

Avenida Esperança s/n

Câmpus Colemar Natal e Silva

5ª Avenida - Setor Leste Universitário

Câmpus Aparecida de Goiânia

R. Mucuri, s/n - St. Conde dos Arcos, Aparecida de Goiânia - GO, 74968-755

Clique para carregar o mapa

Campus Jatobá - Cidade Universitária

BR 364, km 195, nº 3800

CEP 75801-615

Campus Riachuelo

Rua Riachuelo, CP 03

CEP 75804-020

Clique para carregar o mapa

Campus I

Av. Dr. Lamartine Pinto de Avelar, 1120

Setor Universitário - CEP 75704-020

Campus II

Avenida Castelo Branco, s/n

Setor Universitário - CEP 75704-020

Clique para carregar o mapa

Avenida Bom Pastor, S/n - Setor Areião, Goiás