Weby shortcut
Bandeira Reino Unido
Youtube da UFG
Instagram da UFG
Picasa da UFG
Radio universitária
TV UFG
Projeto PeD INF

UFG assina convênio com o Ministério da Saúde

Por Mariza Fernandes Santos. Criada em 23/07/18 16:22. Atualizada em 23/07/18 16:27.

Objetivo do convênio é desenvolver um protótipo de sistema que vai facilitar a localização de informações pelo Sistema Único de Saúde

A Universidade Federal de Goiás (UFG) assinou convênio com o Ministério da Saúde/Fundo Nacional de Saúde para desenvolver um projeto intitulado "Pesquisa e Desenvolvimento de Sistema para Socialização de Estudos Sobre Qualidade de Vida".

O Reitor da UFG, Edward Madureira Brasil, assinou o Termo de Execução Descentralizada na presença do Chefe da Divisão de Convênios do Núcleo Estadual - DICON, Sebastião Donizete da Silva, e do Coordenador técnico do projeto, professor Eliomar Araújo de Lima do Instituto de Informática (INF/UFG), no último dia 06 de Julho. O projeto terá duração de 16 meses e contará com a participação do Vice-Coordenador, professor Fábio Nogueira de Lucena e equipe técnica do INF/UFG, bem como dos pontos focais do Departamento de Gestão e Incorporação de Tecnologias em Saúde  do Ministério da Saúde. 

Projeto PeD INF

O projeto tem como principal objetivo o desenvolvimento de uma pesquisa para concepção de um protótipo de sistema para captação, avaliação, armazenamento e disponibilização de estudos sobre qualidade de vida, com o propósito de facilitar a localização dos dados pelo Sistema Único de Saúde - SUS.

Deverá ser entregue um documento, no momento intitulado Socialização de Estudos sobre Qualidade de Vida: Uma Proposta, e também um software (protótipo) produzido para investigar elementos de maior risco da solução tecnológica proposta.

O projeto conta com recurso aprovado e disponibilizado pelo Ministério da Saúde/Fundo Nacional de Saúde para o financiamento da pesquisa. Caberá ao Instituto de Informática a coordenação técnica e executiva das atividades do projeto, por meio do coordenador, Prof. Eliomar Araujo de Lima, assim como alocar professores, pesquisadores e especialistas necessários ao desenvolvimento dos resultados dos grupos de atividades.

Fonte : INF/UFG

Categorias : Última Hora

Listar Todas Voltar