Weby shortcut
Bandeira Reino Unido
Youtube da UFG
Instagram da UFG
Picasa da UFG
Radio universitária
TV UFG
Capa Borracha

Lançado Desafio em Inovação da Borracha

Por Luciana Gomides. Criada em 19/04/17 16:31. Atualizada em 20/04/17 12:54.

Disputa tem como objetivo estimular o desenvolvimento de ideias que solucionem problemas na cadeia produtiva da borracha natural no Centro-Oeste

Texto: Luciana Gomides

Fotos: Carlos Siqueira

O Centro de Empreendedorismo e Incubação (CEI) da UFG, em parceria com a Associação de Produtores de Borracha Natural de Goiás e Tocantins (Aprob – GO/TO) lançou, na tarde desta terça-feira (18/4), o Desafio Inovação da Borracha. O lançamento aconteceu no Auditório Professor Farnese Dias Maciel Neto, da Escola de Agronomia da Universidade Federal de Goiás (EA/UFG).

O desafio tem como objetivo promover o desenvolvimento de ideias que solucionem lacunas na cadeia de produção da borracha natural na região Centro-Oeste. A iniciativa partiu da própria Associação, na tentativa de solucionar problemas detectados em sua cadeia produtiva. Após um breve histórico, Antonio Carlos reiterou a dificuldade enfrentada pelos produtores em concorrer dentro do mercado de seringais, principalmente em razão da mão de obra. Por isso, a necessidade em criar ferramentas que possibilitem o aumento da produtividade. Segundo ele, a justificativa para continuar a investir na área, apesar dos obstáculos existentes, encontra-se no potencial produtor e mercadológico brasileiro de um produto estratégico como a borracha.

Benesi corroborou com a justificativa, apontando a exploração de seringais como atividade bem conceituada nos aspectos ecológico, social e econômico. Ele lembrou que, apesar dos problemas já apresentados e de ainda importar 65% da borracha consumida internamente, o Brasil possui importantes polos produtores do material, com destaque para o Estado de Goiás. A região apresenta, atualmente, crescimento sequencial na produção, principalmente devido à aplicação de ferramentas tecnológicas, como a irrigação e adubação. Para situar os possíveis candidatos ao desafio, José Fernando deu informações técnicas sobre seringais, desde o viveiro até a fase de extração do látex, conhecida como sangria.

Borracha 1

Antonio Carlos Costa, presidente da Aprob Go/To, fala sobre os desafios da produção de borracha natural

 Borracha 2

José Fernando Canuto Benesi fornece embasamento técnico para os participantes

Sobre o Desafio

O Desafio Inovação da Borracha é dirigido a estudantes (graduação e pós-graduação) e colaboradores associados à Aprob-GO/TO, incentivando a criação de protótipos e procedimentos que venham a auxiliar na automação da cadeia produtiva de seringais. Podem ser formadas equipes de dois a cinco participantes para a categoria estudantil e de um a cinco para colaboradores, cuja formação será auxiliada mediante a realização dos chamados meetcamps, encontros dos inscritos para troca de conhecimentos e expectativas.

Não é obrigatório conhecimento prévio do assunto. Em processo de imersão, os participantes passarão por três fases: conhecimento do problema (treinamentos e visita técnica), aprimorando a inovação (novos treinamentos adicionados à mentorias) e bootcamp final (bootcamp e banca avaliadora). Os resultados devem ser divulgados em Outubro. O objetivo é que o Desafio se torne uma competição anual.

Fonte : Ascom UFG

Categorias : última hora CEI Desafio Inovação da Borracha

Listar Todas Voltar