testagem nos campus

UFG promove vacinação e testagem rápida de Covid

Em 25/05/22 18:45. Atualizada em 26/05/22 09:27.

Ação marca retomada total das atividades presenciais na universidade

Texto: Luciana Santal

 

Com o início do semestre letivo 2022/1 neste 25 de maio, a Universidade Federal de Goiás (UFG) organizou algumas ações de enfrentamento à pandemia. Durante todo o dia, tanto no Câmpus Colemar Natal e Silva como no Câmpus Samambaia, foram oferecidos à comunidade acadêmica e também aos moradores da região, os serviços de vacinação contra Covid e Influenza e o teste rápido de Covid.

 

testagem no campus universitário
Teste-rápido de Covid realizado no Câmpus Colemar Natal e Silva

 

 

Dos 735 indivíduos testados, 14,7% positivaram para a doença. Os números refletem o que tem sido observado nos dados da Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia. O superintendente de Vigilância em Saúde, Yves Mauro Ternes, afirma que a positividade acima dos 10% já era esperada por causa do feriado e também com o tempo mais frio. "Essa ação visa interromper a cadeia de transmissão, ou seja, essas pessoas deixaram de contaminar outras", explica o superintendente.

De acordo com a integrante do GT Saúde da UFG, Larissa Macedo, as pessoas que testaram positivo para Covid foram orientadas a utilizar máscaras PFF2 ou N95  e manter o isolamento domiciliar. Para quem é ligado à UFG, recomendou-se também o preenchimento do formulário disponível na página Retomada na UFG, para receber acompanhamento do serviço de telemedicina.

 

equipe testagem samambaia jesiel 1
Equipe de testagem de Covid-19 com o vice-reitor Jesiel Carvalho

 

Em relação à vacinação, importante medida de combate à doença, a coordenadora de Epidemiologia da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Irani de Almeida, informou que, no Câmpus Samambaia, foram aplicadas 254 doses da vacina contra a Covid e 240 doses da vacina contra a Influenza. Já no Câmpus Colemar Natal e Silva, 192 doses foram aplicadas, contabilizando vacinas contra a Covid e contra a Influenza. As vacinas foram ministradas em conformidade com as orientações e cronograma estipulados pela Prefeitura de Goiânia, por meio da SMS.

equipe vacinação samambaia
Profissionais da saúde que atuaram na vacinação

 

A estudante do curso de Biologia, Isabella Melvin, de 23 anos, procurou o local de vacinação para tomar a 3ª dose. “É muito importante, principalmente hoje com a volta das aulas presenciais, a gente ter essa disponibilidade de tomar a vacina, porque muita gente só tomou as primeiras duas doses e acha que não precisa da terceira. A gente tem que se cuidar para cuidar dos outros, principalmente agora que vai voltar todo mundo junto”, defendeu Isabella.

Fonte: Secom

Categorias: Notícias Retomada covid