doação UFGID

UFG recebe primeira doação da campanha de inclusão digital

Em 21/07/20 13:48. Atualizada em 22/07/20 08:50.

Primeiro doador é estudante da graduação em Biblioteconomia

Texto: Kharen Stecca

 

A Universidade Federal de Goiás recebeu hoje, 21 de julho, a primeira doação da campanha UFGID: Solidariedade para inclusão digital. O doador é um estudante da graduação em Biblioteconomia, Alexandre Modesto Cardoso. Ele doou um monitor e uma fonte de energia, entregues do Centro de Manutenção de Equipamentos da UFG (Cemeq-UFG). "Eu tenho muito amor pelo universo acadêmico, as ciências, e o debate democrático e senti muita vontade de contribuir com tudo isso, apesar de ser uma ajuda pequena", explica o estudante sobre sua motivação em participar da campanha.

doação UFGID

O objetivo da campanha é mobilizar a sociedade para contribuir com equipamentos eletrônicos ou doações financeiras para a disponibilização de cerca de 5 mil computadores e tablets que possam atender às necessidades educacionais de grande parte dos estudantes da UFG durante a pandemia. As doações podem ser feitas pela conta Banco do Brasil  Ag: 1242-4 CC: 47.930-6 Fundação Rádio e Televisão Educativa e Cultural  Cnpj: 01.517.750/0001-06 (confira infográfico explicativo de como transferir) ou os equipamentos entregues  CEMEQ - Centro de Manutenção de Equipamentos da UFG - Campus Samambaia ou EMC/UFG - Escola de Engenharia Elétrica, Mecânica e de Computação - Campus Colemar Natal e Silva. No ato da doação é necessário preencher um formulário

O reitor da UFG, Edward Madureira Brasil, entende que, diante da impossibilidade de retomada das atividades acadêmicas presenciais, por conta da pandemia da Covid-19, a Universidade se vê na obrigação de adotar medidas para que o prejuízo da comunidade estudantil seja reduzido. Consciente da fragilidade econômica da grande maioria dos estudantes da UFG, o reitor defende que a sociedade como um todo deve se mobilizar para encontrar a melhor saída para esta situação. “Hoje, na UFG, três em cada quatro estudantes se enquadram nos critérios de baixa renda. E entre estes três, um é de baixíssima renda. Temos que criar alternativas para conseguir enfrentar esta desigualdade”, considera. O Conselho Universitário aprovou a retomada das do semestre letivo 2020-1 a partir do dia 31 de agosto.

Fonte: Secom UFG

Categorias: Notícias