Weby shortcut
Reino Unido
GO-070 Foto: Jeferson Barbosa de Freitas

Pesquisa com participação da UFG está entre as finalistas do Prêmio ANP 2019

Criada em 30/10/19 15:23. Atualizada em 08/11/19 14:23.

Estudo desenvolveu método para avaliação de projetos de pavimentação 

Fotos: Jeferson Barbosa de Freitas e Hebert Oliveira Santos

Uma pesquisa desenvolvida junto à Rede em Tecnologia de Asfaltos (REDE/Petrobras) com a participação da Universidade Federal de Goiás (UFG)  e mais doze instituições está entre as finalistas do Prêmio ANP 2019, oferecido pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). O trabalho intitulado "Desenvolvimento de um Método de Dimensionamento de Pavimentos Asfálticos - SDIMPA - UFRJ" consiste em um procedimento no qual os materiais usados para pavimentar vias no Brasil são avaliados em laboratório e em campo, considerando-se as propriedades da matéria-prima, condições climáticas do local a ser pavimentado e as cargas geradas pelo tráfego. Os pesquisadores criaram um banco de dados e desenvolveram um software (Método de Dimensionamento Nacional - MeDiNa) que analisa as respostas estruturais do pavimento, prevendo o seu desempenho, e assim definindo as espessuras e os materiais adequados para que esse pavimento tenha a durabilidade desejada.

GO-230 Foto: Hebert Oliveira Santos
GO-230 Foto: Hebert Oliveira Santos



Essa tecnologia é adaptada às condições brasileiras, sendo capaz de considerar as especificidades de clima e de materiais regionais, ao mesmo tempo fazendo análises de confiabilidade dos projetos. De acordo com a professora Lilian Ribeiro de Rezende, coordenadora do projeto na UFG, o método pode ser aplicado à avaliação de pavimentos asfálticos novos ou restaurados, e permite a adoção de materiais reciclados ou novos (asfaltos modificados, misturas mornas, bases tratadas com cimento, entre outros) no projeto de pavimentos.

Em Goiás, o método de análise foi utilizado na GO-070 e na GO-230. Os pesquisadores do Programa de Pós-Graduação em Estruturas, Geotecnia e Construção Civil da UFG, Laynara Xavier Barroso, Jeferson Barbosa de Freitas e Hebert Oliveira Santos, realizaram estudos laboratoriais e o monitoramento em campo com orientação da professora Lilian Ribeiro Rezende. O pró-reitor de pós-graduação da UFG, Laerte Guimarães Ferreira, destacou a importância da indicação da pesquisa para a premiação. "É um importante reconhecimento, que valoriza e distingue a Universidade Federal de Goiás quanto à formação de recursos humanos de excelência e a ciência que dialoga com as demandas da sociedade, afirmou.

Confira entrevista com a  professora Lílian Rezende sobre o projeto:

Fonte: Secom UFG e Rádio Universitária

Categorias: notícias