Weby shortcut
Bandeira Reino Unido
Youtube da UFG
Instagram da UFG
Picasa da UFG
Radio universitária
TV UFG
Exposição Matéria Prima Luminosa capa

Servidor da Rádio Universitária realiza exposição fotográfica

Evento

: Vila Cultural Cora Coralina - Rua 3, Setor Central (ao lado do Teatro Goiânia)

: Regional

: 20 Agosto 2018 a 05 Setembro 2018

A fotografia vista como um ponto de partida para o exercício da imaginação e a criação de visualidades novas. Esta é a premissa da exposição fotográfica Matéria Prima Luminosa, do produtor e apresentador da Rádio Universitária da Universidade Federal de Goiás (UFG), Itamar Pires Ribeiro. A exposição será aberta na segunda-feira (20/8) na Vila Cultural Cora Coralina.

São 70 fotografias, divididas em três séries temáticas, realizadas pelo escritor, jornalista e mestre em Arte e Cultura Visual. As imagens foram produzidas ao longo de cerca de 30 anos de viagens e registros. A maioria das fotografias foi feita em Goiânia, mas também há fotos tiradas em cidades tão diferentes e distantes quanto Paris (França), Tiradentes (Minas Gerais), Rio de Janeiro, Natal e Buenos Aires (Argentina).

A exposição Matéria Prima Luminosa é composta por fotografias em preto e branco e coloridas, em formato 30x45 centímetros, sendo dividida em três subtemas: Interações Imaginárias, Objetos Imaginários e Palco Imaginário. A série Interações Imaginárias é constituída de fotografias que têm como centro temático o estabelecimento de relações de forma, cor, linhas de força ou de composição espacial entre diferentes tipos de objetos ou entre o objeto fotografado e seu meio.

A série Objetos Imaginários procura retrabalhar objetos do cotidiano, apresentado, através de relações de cor e sombra, luz e linhas de composição, aspectos que os transformam em imagens capazes de provocar a imaginação do espectador. A série Palco Imaginário apresenta fotografias colhidas em apresentações musicais e teatrais nos palcos de Goiânia, representando o palco como um lugar no qual a imaginação, a representação e o simbólico estão em seu terreno próprio. Entre os artistas fotografados estão as cantoras Débora di Sá, Cláudia Vieira e Sabah Moraes.

Exposição Matéria Prima Luminosa

Critério de seleção
As fotografias da exposição Matéria Prima Luminosa foram realizadas ao longo de cerca de três décadas de trabalho fotográfico com a utilização tanto de câmaras analógicas quanto digitais. Segundo Itamar Pires Ribeiro, a realização de um mestrado em Arte e Cultura Visual na FAV/UFG lhe permitiu elaborar teoricamente e ter um critério de seleção sobre o material fotográfico do qual dispunha, que chega a mais de 30 mil fotos, produzidas ao longo de toda sua atividade como fotografo, que teve início ainda nos anos 80. Segundo ele, "o foco central desta exposição é demonstrar que a fotografia, ao contrário de ser apenas um registro passivo de uma realidade dada, é, sobretudo, uma matéria-prima original capaz de ser retrabalhada e ressignificada pelo fotógrafo". Para Itamar Pires, tanto faz se a imagem original foi captada em película ou em câmara digital, enquanto matéria-prima para a imaginação criadora "a fotografia é um muito mais um campo de recriação e representação que um mero registro".

Para alcançar os objetivos estéticos a que se propôs, o autor realizou um amplo trabalho de recriação e interferência estética na matéria-prima fotográfica original, com o uso de programas eletrônicos de edição de imagens e com o emprego de outras técnicas físicas de ação sobre a imagem.

O texto de apresentação da exposição foi elaborado pela escritora e jornalista Cássia Fernandes, que afirma que a exposição pode surpreender seus espectadores. Comentando sobre as fotos, ela diz que "surpreendentes são a composição e a luz de cada uma delas, indicativos não só de um perfeito domínio técnico – algumas fotos foram produzidas com câmeras analógicas e posteriormente digitalizadas, outras com câmeras digitais –, mas sobretudo de seu olhar singular sobre o mundo e da capacidade de interpretá-lo, de construir sobre ele novos mundos e abrir portais para outros ainda, muitas vezes mais belos, intrigantes e fantásticos".

Listar Todas Voltar