Weby shortcut
Reino Unido
Reunião da campanha para posse responsável de animais

Projeto deve orientar sobre animais na Regional Catalão

Criada em 14/08/15 10:22. Atualizada em 14/08/15 17:41.

Reunião discutiu o planejamento de ações para evitar o abandono e demonstrar a importância dos cuidados com animais de estimação

Texto: Serena Veloso
Fotos: Carlos Siqueira

Equipe do Hospital Veterinário da UFG visitou nesta quinta-feira (13/8) a Regional Catalão com o intuito de discutir campanha para conscientizar a comunidade universitária sobre a posse responsável de animais de estimação. A reunião com o reitor da UFG, Orlando Amaral, o diretor da Regional Catalão, Thiago Jabur, equipe da Assessoria de Comunicação da UFG, representantes da Secretaria de Educação e Secretaria de Meio Ambiente de Catalão, estudantes e membros da Associação Protetora de Animais de Catalão (Aspac), apresentou os primeiros passos para dar início a um projeto piloto na universidade para reduzir os casos de abandono e orientar sobre cuidados, de forma responsável, com cães e gatos.

“Essa é uma questão que afeta não apenas Catalão, mas também os outros campus da universidade”, apontou o reitor Orlando Amaral, que enfatizou a necessidade de estabelecer parcerias com o poder público e entidades locais para lidar com a situação, considerada também uma questão de saúde pública. De acordo com o diretor da Regional Catalão, Thiago Jabur, o número de casos de ataques e da população de animais residentes no local tem aumentado nos últimos anos, o que motivou a procura por soluções para o abandono de animais nas instalações da Regional.

Reunião da campanha para posse responsável de animais

Capacitação de pessoal para colaborar no projeto e parceria com a prefeitura foram algumas das propostas apresentadas na reunião

 

À frente da campanha, o diretor do Hospital Veterinário, Paulo Henrique Jorge da Cunha, considerou a importância do planejamento ações de curto, médio e longo prazo, com o envolvimento de toda a comunidade acadêmica. Para isso, a campanha se baseará em quatro pilares de atuação: educação continuada, posse responsável, medidas para evitar o abandono e controlar o aumento dos animais abandonados, como a castração, e feiras de adoção.“Somente a castração não resolve o problema, é apenas uma das ações”, afirmou Paulo Henrique Jorge da Cunha, que apontou, a partir das experiências já relatadas em fóruns sobre o assunto e projetos, a educação continuada dos estudantes, professores e técnico-administrativos como a melhor estratégia de conscientização sobre as responsabilidades no cuidado com os animais de estimação.

Um exemplo bem sucedido foi citado pela professora da Escola de Veterinária e Zootecnia da UFG, Kellen de Souza Oliveira, também presente na reunião. Ela coordenou um projeto com estudantes do ensino fundamental em 60 escolas municipais, estaduais e particulares de Goiânia com ações que avaliaram os conhecimentos dos estudantes sobre posse e guarda responsável de cães e gatos, além de educá-los sobre o assunto. Segundo a professora, a avaliação dos docentes das escolas foi positiva, pois solicitaram a realização de outras ações.

 

Reunião da campanha para posse responsável de animais

Diretor do Hospital Veterinário da UFG, Paulo Henrique Jorge da Cunha, propôs a castração dos animais residentes na Regional Catalão para prevenir o abandono de novas crias

 

Cartilha

Uma das ações previstas no âmbito da educação continuada é o desenvolvimento de uma cartilha com orientações sobre a posse responsável. O material está sendo desenvolvido pela Assessoria de Comunicação da UFG e será distribuído por toda a Regional. Além da cartilha, a coordenadora de Relações Públicas da Ascom, Daiana Stasiak, comentou a importância de ampliar a ação educativa por meio do diálogo contínuo com as pessoas da universidade, tendo em vista a amplitude e complexidade do problema.

As secretarias de Educação e Meio Ambiente de Catalão se demonstraram disponíveis para colaborar na iniciativa, que após a implementação e obtenção de resultados na universidade, poderá ser estendida ao município.

Fonte: Ascom UFG

Categorias: Última hora Regional Catalão Posse responsável Hospital Veterinário EVZ