Reino Unido
Zeca

Zeca Baleiro promete show cheio de sucessos, quente e divertido

Criada em 04/09/17 10:52. Atualizada em 04/09/17 14:47.

Cantor se apresenta nesta terça-feira (5/9) no projeto Música no Câmpus

Zeca

Texto: Angélica Queiroz

Fotos: Silvia Zamboni

Nesta terça-feira (5/9) o cantor Zeca Baleiro se apresenta no projeto Música no Câmpus na UFG, uma parceria entre a UFG e a Unimed. É a segunda vez que o músico se apresenta no Música no Câmpus e, desta vez, ele apresenta um show que celebra os 20 anos de carreira, fazendo um passeio pela sua discografia, mostrando alguns de seus maiores sucessos e lados B, além de canções de seu "repertório afetivo". Confira abaixo entrevista exclusiva para o Portal UFG:

Essa é  a segunda vez que você se apresenta no projeto Música no Câmpus da UFG (a primeira foi em 2010). Costuma se apresentar em outros projetos como esse? É diferente fazer um show para o público universitário?

É, sim. É festeiro, divertido, jovial.

Qual a sua relação com o público goiano?

Sempre fui muito bem recebido aí. A plateia é calorosa e musical.

Este ano você celebra 20 anos do lançamento de seu primeiro disco, “Por Onde Andará Stephen Fry?”, em 1997. Que balanço você faz de sua carreira nesse tempo?

Gosto de ver o que fiz, vinte anos e muitos discos depois, acho que é uma obra que tem lá sua importância. E continuo a produzir, não parei (rs).

O que vem por ai?

Este ano estou me dedicando a organizar meu acervo. Tenho muita coisa dispersa. Quero lançar parte desse material em digital – gravações ao vivo, duetos raros, sobras de estúdio etc. Na sexta (1/9) saiu o primeiro álbum, Arquivo -Duetos 1, com colaborações com artistas brasileiros e da França, Japão, Portugal e Uruguai. Em breve lanço o volume 2 e depois uma compilação de gravações raras e dispersas.

Na atual conjuntura político-econômica do país, qual a importância de um artista se manifestar politicamente?

A atuação do artista e do cidadão importa, mas o que muda a conjuntura de fato é a atuação dos políticos, e nesse quesito estamos muito mal servidos. A sociedade precisa lutar pelas conquistas democráticas. A sensibilidade para a arte está embaçada, vivemos um tempo de trevas. Mais uma razão pra espalhar poesia por aí.

Como é a dinâmica do show que você trará ao Música no Câmpus?

Cheio de sucessos, quente e divertido.

 

Os ingressos para o show do Zeca Baleiro custam R$30 e R$15 (meia) e estão sendo vendidos no República da Saúde e nas Livrarias UFG. Haverá venda de ingressos no local do show. Os portões serão abertos às 20h.

Fonte: Ascom UFG

Categorias: Última Hora Música no Câmpus