Weby shortcut
Reino Unido
Dinter Regional Goiás 2

Aula Magna com Clóvis Ramiro Jucá inaugura Dinter na Regional Goiás

Criada em 13/08/19 15:55. Atualizada em 13/08/19 16:02.

Projeto de Doutorado Institucional é parceria com a Universidade Federal da Bahia

Texto: Weberson Dias

Fotos: Arthur Maresca

Pela primeira vez a Regional Goiás da Universidade Federal de Goiás (UFG) participa de um projeto de Doutorado Interinstitucional (Dinter), em parceria com a Universidade Federal da Bahia (UFBA). Para realizar a abertura do semestre letivo no Programa de Pós-graduação em Projeto e Cidade (PPGPC-UFG), ocorreu na noite desta segunda-feira (12/8), uma Aula Magna com a presença do professor Clóvis Ramiro Jucá Neto, associado da Universidade Federal do Ceará. Participaram do evento, 15 estudantes do Dinter, além da comunidade local da Cidade de Goiás.

Dinter Regional Goiás 2
Clóvis Ramiro Jucá Neto é professor associado da Universidade Federal do Ceará

 

A aula teve, como tema, as ressonâncias barrocas no Ceará do século XVIII e primeira metade do século XIX. O professor Jucá analisou imagens de quatro igrejas católicas da cidade de Icó (CE): igreja do Bonfim, Igreja da Expectação, Igreja do Rosário e Igreja do Monte. Com o olhar de arquiteto, Jucá demonstrou semelhanças e formas que aproximam as igrejas do interior do ceará ao estilo barroco. Também apresentou a descrição de viajantes como o português Henry Koster e o britânico George Gardner.

Marco

Além de representantes das duas instituições que compunham a mesa, o evento contou com a presença da vice-reitora da UFG, Sandramara Matias Chaves. Segundo ela, a UFG é construída por mais de 50 mil pessoas, que contribuem diretamente para a produção e disseminação do conhecimento. “Desejo sucesso a todos que estão construindo esse processo aqui. Esse Dinter é um marco na Regional Goiás”, destacou Sandramara.

Dinter Regional Goiás 1
Vice-reitora da UFG, Sandramara Matias Chaves, participou do evento na Regional Goiás

 

O diretor da Regional Goiás, Renato de Paula, afirmou emocionado que o Dinter tem um significado histórico e estratégico para a Regional, uma vez que é uma via de acesso à consolidação e sistematização da pesquisa e, consequentemente, da pós-graduação stricto sensu na Cidade de Goiás. “Em meio a todas as dificuldades, conseguir realizar um projeto como esse é sem dúvida um ato de resistência e de valorização da nossa Regional, reafirma nosso compromisso e aumenta nosso desafio”, avaliou.

O Doutorado Interinstitucional vai alavancar o processo de qualificação dos docentes,  aproximará a Regional Goiás do conhecimento acadêmico e contribuirá na construção de estratégias para a conquista do primeiro stricto sensu. “Outros cursos já sinalizaram a intenção de também instituírem um Dinter”, adiantou.

Dinter

O Doutorado Interinstitucional (Dinter) na Regional Goiás conta com 15 estudantes e funciona no prédio da Unidade Acadêmica Especial de Ciências Sociais Aplicadas. O projeto também possibilitará que a Cidade de Goiás seja anfitriã de importantes eventos na área de Arquitetura, fortalecendo os dois cursos de graduação em Arquitetura da UFG, em Goiânia e Goiás.

Entre os estudantes do doutorado está a professora e coordenadora do curso de Arquitetura e Urbanismo da Regional Goiás, Ariane Borges. A docente veio do Rio Grande do Norte com a titulação de mestrado e vê essa oportunidade como única no Estado, já que não existe doutorado na área de Arquitetura e Urbanismo em Goiás. O mais próximo fica na UnB. Além do mais, a UFBA é referência em várias áreas, especialmente em patrimônio.

“Se todos os professores de Arquitetura na Regional tiverem doutorado, a possibilidade de termos um mestrado, uma pós, e de impulsionar a pesquisa, é alta. Além, claro, da troca de saberes que é muito valiosa. O Dinter tem discentes que são professores de arquitetura na Faculdade de Artes Visuais (FAV/UFG), professores do Instituto Federal de Goiás (IFG) e Universidade Estadual de Goiás (UEG), além de arquitetos que não são professores. Isso estimula o diálogo, a troca, de onde nasce a oportunidade de fazer links, parcerias e tudo mais. É uma oportunidade para o grupo que compõe o DINTER, para a cidade e para as instituições”, concluiu. 

Fonte: UFG - Regional Goiás

Categorias: notícias