Weby shortcut
Bandeira Reino Unido
Youtube da UFG
Instagram da UFG
Picasa da UFG
Radio universitária
TV UFG
Moçambique

Reitor da Universidade Técnica de Moçambique se reúne com membros da CAI

Por Anna Carolina Mendes Ramos. Criada em 12/11/15 17:36. Atualizada em 12/11/15 17:56.

Visita de Severino Ngoenha buscou firmar uma parceria com a UFG

Texto: Anna Carolina Mendes

Fotos: Adriana Silva

Com o objetivo de criar uma parceria entre a Universidade Técnica de Moçambique e a UFG, o reitor da universidade moçambicana, Severino Ngoenha reuniu-se com membros da Coordenadoria de Assuntos Internacionais (CAI/UFG) e o professor da Faculdade de Ciências Sociais Sebastião Rios (FCS) nesta quinta-feira (12/11). No encontro a coordenadora da CAI, Alexandra Nogueira, apresentou um portfólio sobre a UFG e explicou o funcionamento das parcerias.

Severino Ngoenha manifestou interesse em estabelecer uma aliança com a UFG que vá além do intercâmbio de estudantes de graduação,  expandindo para mestrandos, doutorandos e docentes. O reitor expôs que a Universidade Técnica de Moçambique possui áreas de engenharia, ciências econômicas, sociais e jurídicas. “O que buscamos é uma possível interação entre a UFG, que tem áreas que nos interessam, e a nossa Universidade que, apesar de ser privada, tem muita importância para o governo moçambicano”, alegou o reitor.

Reitor Moçambique

Severino Ngoenha apresentou interesse nas áreas relacionadas à ecologia e biologia na UFG

Parceria

Ngoenha afirmou que as áreas que mais interessam a Universidade Técnica de Moçambique, que necessitam de mais recursos humanos qualificados, são as relacionadas à ecologia e biologia, principalmente na dimensão da agropecuária. Uma de suas preocupações é em relação à qualificação dos docentes de sua Universidade, quadro que poderia ser melhorado com a parceria.

Alexandra Nogueira exibiu as especificidades da Associação de Universidades de Língua Portuguesa, AULP, da qual a UFG faz parte. Para ela, esta aliança seria um primeiro passo para formalizar diante dos órgãos de fomento nacional o contato entre as universidades,  “efetivando atividades que deem frutos”, denotou. Professor na Faculdade de Ciências Sociais (FCS), Sebastião Rios se dispôs a mediar as negociações entre as unidades acadêmicas da UFG interessadas e a universidade moçambicana neste contato inicial.

Fonte : Ascom/UFG

Categorias : Última hora CAI intercâmbio

Listar Todas Voltar