Weby shortcut
Reino Unido
noticia8720.jpg

UFG tem sua história contada nas páginas da revista Perfil Cultural

Criada em 16/05/12 03:07. Atualizada em 21/08/14 11:47.
A Academia Belavistense de Letras, Artes e Ciências homenageou o cinquentenário da UFG na revista Perfil Cultural

A Universidade Federal de Goiás recebeu nesse mês de maio um grande presente. Na última sexta-feira, 04 de maio, em cerimônia realizada no Centro de Cultura e Eventos Professor Ricardo Freua Bufáiçal, a Academia Belavistense de Letras, Artes e Ciências homenageou a universidade por meio de sua edição nº 6 da revista Perfil Cultural, uma Edição Comemorativa dos 50 Anos da Universidade Federal de Goiás. Estavam presentes na cerimônia o reitor da UFG, Edward Madureira Brasil, a presidente da Academia Belavistense de Letras, Artes e Ciências, Nancy Ribeiro de Araújo e Silva, a ex-reitora Maria do Rosário Cassimiro, além de outros professores, muitos deles eméritos, que fizeram e ainda fazem parte da história da universidade, acompanhados de seus familiares.

Edição Comemorativa dos 50 Anos da Universidade Federal de Goiás, nº 06, 2011

 

Idealizada em março de 2011 pelos membros da Academia Belavistense de Letras, a revista traz diversos artigos com a temática da historia da UFG, no período de 1960 a 1990, como forma de difundir a experiência de professores em cargos de chefia ou de assessoria que assim contribuíram para a implantação das unidades acadêmicas. É o que explica a presidente da Academia, Nancy Ribeiro de Araújo e Silva a respeito dos artigos: “Seriam escritos por sócios da academia que em determinada área fizeram e viveram a historia da UFG”. Dessa forma, a revista torna-se uma retentora de memórias, que, mediante seu acervo de informações, pode contribuir para a ampliação de estudos sobre a universidade.

 

 

Histórias

 

A edição nº 6 traz diversas histórias. É possível conhecer, por meio do relato de Maria Lúcia Freua Bufáiçal, a gestão de seu marido e ex-reitor da universidade, Ricardo Freua Bufáiçal. Já o artigo de Maria Helena de Oliveira Brito aborda a interação entre a UFG e o Colégio de Aplicação, e o de Juarez Costa Barbosa e Lena Castello Branco Ferreira Freitas permite conhecer a história do Museu Antropológico. Essas são apenas algumas das tantas outras histórias que irão mostrar os caminhos trilhados pela UFG.

 

Grande presente

 

Mas esse não foi o único presente recebido pela universidade. Pelas mãos de Nancy Ribeiro de Araújo e Silva, o reitor Edward Madureira Brasil recebeu a coleção completa do Jornal 4º Poder. Impresso pela primeira vez em 1962, era produto da imprensa universitária da UFG, e foi fechado pela ditadura em 1964 por trazer linhas de pensamentos que contrariavam as diretrizes do governo militar. A raridade, doada à UFG, fazia parte da biblioteca particular de Nancy Ribeiro, será a primeira peça da Casa de Memória da universidade, a ser instalada no Casarão da Rua 20. Foi nesse local onde ocorreram as primeira reuniões e movimentos em prol da implantação de uma universidade pública e gratuita em Goiás. O reitor explica que foram feitas várias reuniões com a diretoria do Fórum da Justiça Federal, que considera que o imóvel pertence à UFG, estando de acordo em devolvê-lo à universidade.

Professres atuais, professores eméritos, reitor, com a coleção do Jornal 4º Poder, ex-reitores e demais servidores da     UFG

 

Conhecendo a atual UFG

 

Após a cerimônia de lançamento, todos os antigos professores da UFG foram convidados a fazer um passeio pela universidade a fim de tomarem conhecimento das novas estruturas físicas. Guiados pela arquiteta Ana Domitila de Almeida, eles puderam conhecer as novas instalações de diversos cursos de graduação e pós-graduação, das quais quinze estão prontas para serem inauguradas nos próximos meses. Muitos dos que puderam conhecer a atual universidade lembraram-se dos tempos antigos, quando a instituição ainda estava dando seus primeiros passos. Dessa forma, sentiram-se emocionados por terem feito parte da história da UFG, ajudando a instituição a se tornar o que ela é hoje.

 

Ana Domitila, vice-reitor e professoras aposentadas da UFG em visita à Faculdade de Letras

 


 


 

Fonte: Ascom/UFG

Categorias: Homenagem