Reino Unido
Capa Analisa UFG.png

Plataforma Analisa UFG está de cara nova

Criada em 14/04/20 10:36. Atualizada em 14/04/20 16:16.

Além da reformulação de layout, a plataforma adota uma nova ferramenta para visualização e interação com gráficos

Texto: Caroline Pires

A Plataforma Analisa UFG teve sua interface reformulada. A partir de agora os usuários têm acesso a uma nova ferramenta de visualização de informações dos gráficos, que compõem os painéis de indicadores, em uma proposta de layout adequada aos temas dos sites institucionais da Universidade Federal de Goiás (UFG). O objetivo é que toda a comunidade interna e externa possam acessar a plataforma desfrutando de mais dinamicidade na visualização das informações institucionais.

A Plataforma Analisa UFG possibilita o acesso atualizado a dados públicos da universidade, favorecendo a visualização, análise e a avaliação de informações e indicadores institucionais. Os painéis de indicadores estão organizados conforme as áreas de atuação  e possibilitam um retrato atual e quantitativo das características e atividades realizadas. A ferramenta foi lançada em dezembro de 2018 a partir de uma ação integrada da Secretaria de Tecnologia e Informação (SeTI) e da Secretaria de Planejamento, Avaliação e Informações Institucionais (SECPLAN).

Analisa-UFG---Visão-Geral---2.png

O Secretário de Tecnologia e Informação, Leandro Oliveira, adianta que até julho deste ano espera-se agregar novos painéis de indicadores relacionados à avaliação institucional, assistência estudantil, orçamento e finanças. "Pode-se dizer que a Plataforma Analisa entra em uma nova etapa do seu processo de evolução. Mediante a crescente demanda de cruzamento de informações entre os gráficos dos painéis de indicadores, novos desafios se apresentaram para permitir maior interação e dinâmica na análise das informações disponíveis, exigindo assim uma ferramenta de visualização mais robusta e funcional", explicou.

O Secretário de Planejamento, Avaliação e Informações Institucionais, Vicente Ferreira, lembra da importância de se trabalhar no aprimoramento da ferramenta. "O importante é avançar com a etapa de elaboração de indicadores de gestão, de forma facilitar o monitoramento dos objetivos e metas previstos no planejamento institucional, bem como o acompanhamento e auditoria dos órgãos de controle", reforçou. 

Já o diretor do Centro de Recursos Computacionais (Cercomp/UFG), Igor Vieira, adianta que uma outra mudança que está sob avaliação da Equipe de Análise de Dados do Cercomp é a adoção de nova ferramenta para criação e gestão de relatórios dinâmicos, que serão de uso restrito e cotidiano das Pró-reitorias. "A evolução da Plataforma é um processo natural e necessário, o qual tem considerado tanto as inovações tecnológicas quanto as necessidades institucionais", concluiu.

Novo site da Plataforma Analisa UFG

Fonte: Secom/UFG

Categorias: Notícias SeTI SECPLAN CERCOMP