Reino Unido
Câmara Municipal

Câmara Municipal aprova desagravo por ofensas à UFG

Em 12/12/19 14:44.

Requerimento foi motivado pelas acusações infundadas do ministro da Educação

A Câmara Municipal de Goiânia aprovou nesta quinta-feira (12/12) requerimento dos vereadores Anselmo Pereira, Dra. Cristina, Álvaro da Universo, Denício Trindade, Zander e Andrey Azeredo, para que seja enviado à Universidade Federal de Goiás (UFG) e aos representantes das entidades da comunidade universitária nota de desagravo às ofensas à imagem da instituição, feitas pelo ministro da Educação Abraham Weintraub na Câmara dos Deputados na quarta-feira (11/12). Na ocasião, o ministro foi questionado sobre a acusação infundada de que universidades federais produzem drogas.

No caso específico da UFG, o ministro exibiu parte de um vídeo e omitiu as ações da Reitoria no combate à criminalidade e à violência. "A exibição de parte do vídeo, apenas dois minutos, numa tentativa de explicar aquela grave acusação que motivou sua convocação, demonstra má-fé ao tentar manipular as informações, sonegando aos deputados estes esclarecimentos, bem como evidencia a tentativa de enganar a opinião pública", diz o requerimento.

Os vereadores concluem que o ministro deve ser afastado do cargo: "Demonstrando absoluta falta de preparo e conhecimento da matéria, em total desrespeito àquele Parlamento, o ministro deixou claro não ter a menor condição para continuar exercendo este relevante cargo. Ao atender a convocação daquele poder fiscalizador para comprovar sua declaração de que universidades federais produzem droga, Abraham Weintraub repetiu a fake news que o levou a ser chamado pela Câmara dos Deputados".

Fonte: Secom/UFG

Categorias: notícias