Weby shortcut
Reino Unido
ufg

UFG realiza Espaço das Profissões Itinerante no Jardim Curitiba I

Criada em 15/08/19 14:49. Atualizada em 16/08/19 15:56.

Estudantes de mais de 15 escolas públicas da região participaram do evento

Letícia Santos

Com um público estimado em mais de 25 mil estudantes, o Espaço das Profissões é um dos maiores eventos realizados pela Universidade Federal de Goiás (UFG), onde alunos do ensino médio e fundamental podem conhecer mais sobre as vastas possibilidades da universidade pública. Com o objetivo de levar informações a respeito dos cursos e habilitações oferecidos gratuitamente na universidade, a UFG realizou na última quarta-feira (14/08), a  Edição do Espaço das Profissões Itinerante. O evento ocorreu na Praça da Feira do Jardim Curitiba I e recebeu estudantes de mais de 15 escolas públicas da região.

O reitor da UFG, Edward Madureira Brasil, esteve presente e ressaltou a importância de levar esse projeto para as regiões mais afastadas da universidade. “Esse projeto é fundamental para conseguirmos alcançar uma parcela da população que não consegue ir ao tradicional espaço das profissões, realizado anualmente no Câmpus Samambaia”. Edward também agradeceu o apoio e colaboração de toda a comunidade acadêmica. “Esse evento está sendo realizado graças ao movimento da comunidade universitária, aos professores, estudantes e técnicos”. A vice-reitora da UFG, Sandramara Matias Chaves, afirmou que futuras edições do evento estão sendo pensadas. “Desejamos fazer esse evento em outras regiões da cidade, especialmente em bairros mais afastados. Nosso intuito é mostrar para os estudantes que a UFG é para todos”.

edward
Fotos: Carlos Siqueira

 

Diversas dúvidas sobre a UFG ainda permeiam a vida de estudantes do nível médio e fundamental. Segundo Janice Pereira, coordenadora do evento, muitos estudantes de escolas públicas ainda não sabem que a UFG é uma universidade pública e gratuita. “O espaço itinerante vai além de mostrar como é o funcionamento dos cursos de graduação, é uma oportunidade de esclarecer para esses estudantes que a universidade está a disposição de todas as pessoas”, afirmou. A estudante Tais Pereira, do curso de Engenharia Florestal da UFG, participava dos stands e afirmou ter sido questionada por um estudante se a universidade era gratuita. “A oportunidade de levar esse projeto até bairros periféricos de Goiânia é muito importante para que os estudantes esclareçam suas dúvidas e decidam o seu futuro ainda no ensino médio”, afirmou.

capa

No evento, alunos e professores dos cursos de graduação da UFG apresentavam ao público presente diversas pesquisas desenvolvidas na universidade. Juliana Cândido, professora da Faculdade de Enfermagem (FEN-UFG), explicava aos visitantes como funcionava o Grupo de Estudos em Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente (GESMAC). Juliana contou que por meio do grupo de pesquisa, informava aos estudantes sobre a importância do enfermeiro na sociedade. “O enfermeiro acompanha e oferece cuidados para as gestantes e para o bebê, desde o pré-natal até o final da gestação. Assim como também trabalha na prevenção do câncer de mama e de colo de útero, por exemplo”.

No stand do curso de Biomedicina, eram apresentadas as diferentes habilitações que um biomédico pode exercer. Desde o âmbito da radiologia, em que o biomédico realiza exames, até a área da histologia, onde os estudantes podiam visualizar por meio de lâminas, como era formada a estrutura da pele, dos órgãos. Também eram realizados exames de tipagem sanguínea, onde os visitantes podiam descobrir o seu tipo sanguíneo. No stand do curso de Química, os monitores faziam experimentos com materiais alternativos, como um pequeno submarino, produzido a partir de uma garrafa PET e uma caneta. Experimentos que envolviam materiais como glicose, óleo, álcool e querosene também estavam sendo realizados. Segundo a estudante Giordana Teófilo, do curso de licenciatura em Química, todos experimentos que estavam sendo apresentados, surgiram a partir de pesquisas de iniciação científica.

ufg

A quantidade de pessoas que prestigiaram o evento, chamou a atenção dos próprios estudantes do ensino médio. Segundo a estudante Vitória de Souza, de 17 anos, a dimensão do evento superou suas expectativas. “Fiquei impressionada com a quantidade de pessoas que vieram no evento, imaginei que os outros estudantes não iam se interessar”. Vitória visitou o stand do curso de Medicina, profissão que a jovem afirmou ser apaixonada. “Fui no stand de Medicina e os estudantes esclareceram todas as minhas dúvidas sobre o curso. É a área que eu pretendo seguir”. A iniciativa também foi positiva para o estudante Pedro Siqueira, de 18 anos, que aproveitou o momento para agradecer ao evento por ter ajudado na escolha de seu atual curso. “Apesar de já cursar a graduação de Direito em uma instituição privada, tenho interesse e gosto de aprender sobre todas as ciências. O Espaço das Profissões 2018, no Câmpus Samambaia, me ajudou a escolher o curso de Direito. Esse evento é muito importante”, finalizou.

Confira a matéria produzida pela Rádio Universitária durante o Espaço das Profissões com entrevistas de estudantes e gestores da UFG:

Confira aqui mais fotos do evento!

Fonte: Secom UFG

Categorias: notícias